Programa A Guerra Contra o Câncer do Hospital Dr. Hélio Angotti. Transmissão TV Câmara Uberaba


15/7/2017 - a 10/12 Eventos da Rede de Proteo Social










Tudo sobre o Câncer Prevenção
Prevenção e Fatores de Risco

Publicado em 14/01/2010 - 02:00

A prevenção do câncer é uma ação tomada para se diminuir a chance de se contrair um câncer. Para se diminuir o número de casos novos de câncer em uma população é necessário se fazer prevenção. Câncer não é uma única doença mas um grupo de doenças relacionadas.
Muitas situações em nossos genes, em nosso estilo de vida e no meio ambiente que nos cerca podem aumentar ou diminuir o risco de se ter um câncer.

Cientistas estudam frequentemente diferentes meios alternativos para ajudar a prevenir o câncer. Por exemplo: meios ou alternativas que evitam ou controlam as causas já conhecidas de câncer; mudança no estilo devida e da dieta; descobrir condições ditas pré-cancerosas precocemente; Quimioprevenção (medicamentos que tratam condições pré cancerosas ou que evitem que o câncer se inicie.

O risco de se desenvolver vários tipos de câncer pode ser reduzido por praticas habituais saudáveis, como alimentação saudável (“verde-amarela”), prática regular de exercícios, não fumar. Também a informação é importante, pois quanto mais cedo o câncer for encontrado mais cedo se iniciar o tratamento e melhores são as chances de sucesso do terapia.

Fatores de risco
A prevenção do câncer nem sempre é possível, mas há fatores de risco que estão na origem de diferentes tipos de tumor. O principal é o tabagismo.

O consumo de bebidas alcoólicas e de gorduras de origem animal, dieta pobre em fibras, vida sedentária e obesidade também devem ser evitados para prevenir os tumores malignos. São raros os casos de câncer que se devem apenas a fatores hereditários.

A maioria dos casos de câncer (80%) está relacionada ao meio ambiente, no qual encontramos um grande número de fatores de risco. Entende-se por ambiente o meio em geral (água, terra e ar), o ambiente ocupacional (indústrias químicas e afins), o ambiente de consumo (alimentos, medicamentos), o ambiente social e cultural (estilo e hábitos de vida).

As mudanças provocadas no meio ambiente pelo próprio homem, os "hábitos" e o "estilo de vida" adotados pelas pessoas, podem determinar diferentes tipos de câncer.

Hereditariedade
São raros os casos de cânceres que se devem exclusivamente a fatores hereditários, familiares e étnicos, apesar de o fator genético exercer um importante papel na oncogênese. Um exemplo são os indivíduos portadores de retinoblastoma que, em 10% dos casos, apresentam história familiar deste tumor.

Alguns tipos de câncer de mama, estômago e intestino parecem ter um forte componente familiar, embora não se possa afastar a hipótese de exposição dos membros da família a uma causa comum. Determinados grupos étnicos parecem estar protegidos de certos tipos de câncer: a leucemia linfocítica é rara em orientais, e o sarcoma de Ewing é muito raro em negros.

Inca – Instituto Nacional de Câncer – Ministério da Saúde.




Para saber mais:
Tipos de Câncer
Tratamentos do Câncer
Prevenção e Detecção
Direitos dos Portadores
Estatísticas



Hospital Dr. Hélio Angotti ® 2009. Todos os direitos reservados. | Rua Governador Valadares, 640 - Uberaba/MG - Brasil | Desenvolvido por P&A Comunicação